25/nov

Farmacêutica pode fabricar vacina em Nova Lima

A biofarmacêutica brasileira Biomm, fabricante de medicamentos biotecnológicos no País, solicitou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorização para uso emergencial do imunizante Convidecia, da CanSino Biologics INC. A iniciativa visa a ampliar a disponibilidade de imunizantes contra a Covid-19 no Brasil. Caso seja autorizada, a Convidecia pode ser produzida na planta da Biomm em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Com aplicação em dose única e armazenamento em geladeira comum (entre 2 e 8 graus Celsius), o imunizante desenvolvido pela CanSino Biologics INC vem sendo adotado por diversos mercados, com aprovações em países como México, Paquistão, Hungria, Chile, Equador, Argentina, Malásia, Indonésia e Quirguistão.

A Convidecia também tem potencial para ser usada como dose de reforço ou na intercambialidade (mix) de vacinas para elevar a imunidade contra o novo coronavírus. O imunizante é recomendado para ser administrado em pessoas a p e imunização completa de uma vez – ao contrário da maioria das vacinas contra Covid-19 atualmente disponíveis, que requerem duas doses.

A Biomm desenvolve medicamentos biológicos, acessíveis para tratamento de doenças crônicas no país. Tem sede e fábrica em Nova Lima. É listada na bolsa de valores (B3:BIOM3).

Já a CanSinoBIO (SHSE: 688185, HKEX: 06185) pesquisa, produz e comercializa vacinas para a China e a segurança da saúde pública global. Possui quatro tecnologias de plataforma integradas, incluindo vetores baseados em adenovírus, biologia sintética, design e recombinação e formulação de proteínas. Possui uma linha de 16 vacinas prevenindo 13 doenças, incluindo uma vacina de vírus Ebola (vetor de adenovírus tipo 5) aprovada em 2017, a nova vacina contra coronavírus recombinante (vetor de adenovírus tipo 5) Convidecia™ aprovada condicionalmente em 2021 e a vacina Meningocócica Conjugada do Grupo A e Grupo C (CRM197).

Por Redação

JORNAL MINAS reforça seu compromisso com o profissionalismo, a qualidade e o jornalismo mineiro. Nossa redação fornece informações responsáveis ​​e confiáveis ​​todos os dias. Apoie a informação de qualidade, siga-nos pelas redes sociais – Facebook Instagram Twitter Whatsapp

Compartilhar esta notícia:


Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Redes sociais
Jornal Minas