31/ago

Nível baixo Lagoa dos Ingleses demonstra seca que atinge Minas

O nível baixo da represa da Lagoa dos Ingleses, em Nova Lima, é sinal da pior seca dos últimos 111 anos. O alerta de emergência hídrica foi emitido pelo Sistema Nacional de Meteorologia (SNM), que informou que a escassez atingiria, entre junho e setembro, Minas e outros estados brasileiros.

O diretor do Minas Náutico, Jorge Guimarães, fica triste em ver a lagoa assim, mas afirma que o nível tão baixo não impossibilita a prática de esportes, embora traga danos. “Estamos no final da seca. A lagoa já esteve em dias melhores. Estava bem cheia há dois meses, mas baixou muito”, diz. O Minas Náutico tem permissão para realizar esportes aquáticos na lagoa, que é de propriedade privada, como remo e barco a vela. “Os esportes ficam prejudicados, mas ainda não impossibilitados. A gente fica muito triste de ver a lagoa assim. Ela é bonita cheia”, pontua.

De acordo com o metereologista Ruibran dos Reis, choveu muito pouco no período previsto, de outubro de 2020 a abril de 2021, o que reflete no nível dos cursos d’água e reservatórios. Já são quase seis meses sem chuvas com volume suficiente para o abastecimento hídrico. “Somente em fevereiro, tivemos chuvas acima da média. De março para cá, as chuvas pararam. Sem chuvas para as nascentes e para abastecer os reservatórios”, avalia.

A exemplo de Nova Lima, a seca também castiga a capital. A previsão é de que ela deve chegar na terça-feira (31/8) a Belo Horizonte, de acordo com o 5º Distrito do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Neste domingo, a capital mineira teve temperatura mínima de 13,4 graus na madrugada, e a máxima durante o dia foi de 27 graus.

Por Redação
Com informações EM
Foto: Renato Scapolatempore/EM/DA PRESS

JORNAL MINAS reforça seu compromisso com o profissionalismo, a qualidade e o jornalismo mineiro. Nossa redação fornece informações responsáveis ​​e confiáveis ​​todos os dias. Apoie a informação de qualidade, siga-nos pelas redes sociais – Facebook Instagram Twitter Whatsapp

Compartilhar esta notícia:


Comentários

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Redes sociais
Jornal Minas