16/out

O sonho não pode acabar – Resenha do Leão #06 – Maycom Guimarães

Com a queda no Campeonato Mineiro, o time necessita chegar à série C nesta temporada, já que a disputa da série D é condicionada aos três melhores colocados no Estadual do ano anterior. Ou seja, fora do Mineiro e sem conquistar o acesso, o Villa não disputa o Nacional em 2021 e 2022.

Pré-jogo

Depois de uma semana turbulenta o Villa Nova ia para sua primeira decisão no torneio. Com sua participação abaixo da expectativa com apenas uma vitória, três derrotas e um empate somando quatro pontos em cinco jogos. Necessitava da vitória para continuar sonhando com a classificação do torneio. E a missão não seria fácil pois enfrentava o vice líder do grupo.

O Jogo

O Villa Nova começou o jogo mantendo sua tática 3-5-2. Mas com uma postura totalmente diferente dos outros jogos, marcando meio campo e abdicando da posse de bola. Esperou o Atlético tomar as iniciativas do jogo e isso deu certo. No início do jogo em um contra-ataque maravilhoso, o Wander conseguiu abrir o placar. E logo depois em escanteio o Villa conseguia seu segundo gol com Ramon. Chovia muito em Nova Lima e o jogo foi paralisado duas vezes por queda de iluminação. E isso fazia bem para o Leão porque o Atlético imprimia um volume muito grande e esfriava o jogo. Segundo tempo foi a mesma coisa, o Villa jogou maior parte do tempo defendendo e tentando jogar no erro do adversário. No final do jogo o Carcará, como é conhecido o Atlético, diminuiu e aí foi um sufoco. Mas tudo deu certo. Villa 2×1.

+ Noticias de esportes

Conclusão

Futebol é uma caixa de surpresa. Até o momento o Atlético é o melhor time do grupo na minha análise. O Gama não impôs um volume de jogo como o Atlético. Conseguimos uma vitória muito importante que mantém a possibilidade de classificação. O Villa Nova precisava de um jogo desse. Foi inferior nos 90 minutos e a trave salvou o Villa de uma derrota. O que não dava certo nos outros jogos deu tudo certo nesse. Tomara que a chuva de ontem tenha lavado a “zica” do time. Não vamos empolgar porque infelizmente os próximos dois jogos são contra o Brasiliense e o Villa Nova precisa ganhar os dois jogos para sonhar em classificar.

O sonho não pode acabar, vivo até o próximo jogo.

Devolvam o nosso Leão!

Por Maycom Guimarães

Compartilhar esta notícia:


Comentários


Anúncio


Redes sociais
Jornal Minas