29/mar

Vídeo: Crianças dizem ter visto imagem de Nossa Senhora de Fátima em capela no sul de Minas

Uma suposta aparição de Nossa Senhora de Fátima no telhado de uma capela movimentou a cidade de Cristina (MG). A imagem foi vista durante a noite por algumas crianças que brincavam na rua e foi registrada por moradores.

“No momento que eu olhei a foto, eu senti uma emoção profunda e comecei a chorar”, afirmou Mônica Aparecida de Oliveira ao portal G1. Uma das meninas que viu a aparição disse ter ouvido uma mensagem vinda da santa: “Ela a todo tempo falava pra gente rezar, todo tempo. A voz dela era baixinha e ela falava assim: reza, reza. Falava bem baixinho no nosso ouvido”.

Veja o video

A mãe de duas das meninas contou que no dia seguinte a imagem também foi vista na casa delas: “A minha mais velha sentou no sofá e eu fui até a porta pegar a outra menina que estava chorando demais. Quando eu pus a mão nela, ela estava inteira gelada. Eu comecei a rezar ‘Ave Maria’ e vim para a sala com ela. Quando cheguei na sala minha filha mais velha relatou de novo: ‘Mãe, ela está do seu lado’. No começo eu não tinha acreditado”.

As fotos intrigantes fez o pároco da cidade, Antônio Carlos Oliveira, investigar a suposta aparição: “A primeira coisa eu comuniquei o bispo sobre esta aparição e ele pediu pra aguardar um pouco. Quando a gente fala de aparição é uma coisa muito delicada, é estudado e analisado”.

Para algumas pessoas, seria apenas o reflexo da luz no telhado e no entorno da corneta do sistema de alto falantes do local. O equipamento foi retirado para esclarecer a dúvida.

“Esta corneta sempre esteve aqui. Por que só agora esta imagem veio aparecer? O que eu guardo no coração é que aprendamos com esta mensagem. Neste momento é preciso que nós rezemos em casa em família, ainda mais durante esta pandemia”, finalizou o padre ao G1.

Por Redação

JORNAL MINAS reforça seu compromisso com o profissionalismo, a qualidade e o jornalismo mineiro. Nossa redação fornece informações responsáveis ​​e confiáveis ​​todos os dias. Apoie a informação de qualidade, siga-nos pelas redes sociais – Facebook Instagram Twitter Whatsapp

Compartilhar esta notícia:


Comentários


Anúncio


Redes sociais
Jornal Minas