12/fev

BBB21: O fenômeno da comunicação – Programa bate recordes em sua segunda década

O novo Big Brother Brasil – BBB21 – já se consolida como um dos maiores fenômenos da televisão brasileira nos últimos anos. O atual desempenho do reality show, em audiência, publicidade e repercussão cultural, atesta o sucesso da Globo no reposicionamento de um produto popular que, a caminho de completar 20 anos de exibição, vinha perdendo grande parte do apelo conquistado desde a estreia em 2002.⠀

Após o fracasso registrado pela edição de 2019, criticada como a mais monótona de todas, os produtores acertaram em cheio ao apostar em 2020 na inclusão de famosos entre os participantes e explorar polêmicas geradas em torno de temas socialmente relevantes, como racismo, feminismo e assédio sexual, com um elenco diverso e agitado.

+ Notícias sobre o BBB

Favorecido pelo confinamento dos próprios telespectadores, o BBB20 tornou-se um marco histórico para o programa em números comerciais (com R$ 304 milhões faturados em patrocínio), engajamento na internet (com 3,5 bilhões de menções nas redes sociais) e participação da audiência (com reconhecimento do Guinness World Records pela maior votação pública para uma atração televisiva).⠀

A edição deste ano já superava sua antecessora antes mesmo do lançamento, ao garantir à Globo uma receita que deve ultrapassar R$ 530 milhões, com o recorde de 8 patrocinadores principais. E outras 30 marcas aguardam em uma “fila de espera” para se promover junto ao programa.⠀

A estreia do BBB21 foi vista por 43,7 milhões de pessoas na TV aberta, seguida pelo melhor desempenho em uma primeira semana da competição nos últimos 7 anos.

Leia: É apenas culpa de Karol Conká? 

A plataforma de streaming Globoplay bateu recorde histórico de vendas no segundo dia da atração. E o canal pago Multishow liderou a audiência da TV por assinatura no horário nobre durante os primeiros 7 dias de competição.⠀

Um dos inícios mais intensos do programa foi consolidado rapidamente por uma sequência ainda mais explosiva que o BBB20. Em meio a intrigas que reverberam questões palpitantes da atualidade, como bissexualidade e militância progressista, o BBB21 já se faz onipresente nas redes sociais. E a Globo segue com a edição mais longa do programa, com cem episódios previstos até o dia 4 de maio.

Por Redação Jornal Minas

Siga Jornal Minas nas redes sociais

Facebook Instagram Twitter Whatsapp 

 

Compartilhar esta notícia:


Comentários

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Anúncio


Redes sociais
Jornal Minas