10/fev

Vamos ‘carnavalizar’ as redes sociais – Talita Vaz

Compartilhar esta notícia:

Pois é Brasil! Quem diria que teríamos que pensar em fazer o carnaval sem aglomeração – sinônimos, certo? – A maior festa do planeta, que reúne milhões de pessoas pelas “avenidas” do nosso país, em 2021 terá que ser realizada em casa frente ao avanços de casos da Covid-19.

+ Colunas Jornal Minas

É importante notar como a cultura / arte adquiriu outra dimensão durante a pandemia. Por exemplo, o teatro que começa com nossa civilização reunia pessoas (artistas e público), esta é, ou era,  a base de muitas expressões artísticas; música, cinema, artes plásticas, etc. Todos tiveram que se adaptar para chegar ao público sem colocá-lo em risco, criando assim a cultura das Lives.

Leia: Reflexões Sobre o Documentário “O Dilema das Redes”

Além de ver artistas famosos, muitos puderam aprender e/ou expor talentos de diversas áreas, criando novos “produtos culturais”. Com o auxílio da tecnologia, mostramos nossa evolução no contato direto com o público e interagimos virtualmente, satisfazendo a necessidade vital do contato humano com o outro, pois como justifica o poeta: “não se pode ser feliz sozinho”.

A “cultura de massa” mudou em termos de forma e conteúdo, porque os grupos online podem ser criados em torno de uma variedade de interesses. Há uma ruptura com a definição do “certo”, “bonito”, “bom”; hoje tudo é discutível, somos todos pequenos artistas e um pouco ‘críticos’. No contexto de tantas mortes, cada um de nós ganha vida graças as redes nas quais saímos da posição de observadores e nos tornamos o protagonista da história que construímos para nós mesmos. Para que esta importante tradição não passe em branco, teremos uma extensa programação de Lives e recordações disponíveis por toda internet. “Re-cor-dar é viver!”. Então, siga a dica: reúna  sua ‘bolha’, amigos próximo e  familiares que enfrentaram este distanciamento ao seu lado, ligue o som, coloque a bebida para gelar, vista sua fantasia e celebre! Afinal, chegamos aqui vivos e o objetivo é continuar assim! Sejamos conscientes. Vamos ‘carnavalizar’ as redes sociais e mostrar que é possível festejar sem correr riscos! Bom Carnaval Virtual a todos, com muita saúde e responsabilidade!

Por Talita Vaz

Siga Jornal Minas nas redes sociais

Facebook Instagram Twitter Whatsapp 

Compartilhar esta notícia:


Comentários

Ainda não recebemos comentários. Seja o primeiro a deixar sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Redes sociais
Jornal Minas