09/abr

Nova Lima, Nossa Gente! A empatia de Graziella Silva

“O que muda a sua vida é coragem e atitude, sua verdade é sua melhor virtude.”

Hoje na coluna Nova Lima, Nossa Gente! Conheça um pouco da história da microempreendedora Graziella Cristina Silva.

A empreendedora nova-limense Graziella Cristina tem 40 anos e é mãe de Jhonata e Inácio. Sempre determinada, ela é o exemplo de mulher de coragem e fonte de inspiração.

Graziella e seus filhos

Sua trajetória começou muito cedo. Ainda adolescente, devido às dificuldades, iniciou sua jornada como doméstica em casas de família.

Dedicada aos estudos, a perseverança sempre foi seu ponto forte e, por isso, ela conciliou estudos com uma rotina de trabalho e conquistou seu tão sonhado título de Técnica em Farmácia.

Foram mais de 15 anos dedicados à área da saúde, sendo nos seis últimos, no setor de oncologia. A convivência e a sensibilidade diante da batalha de crianças que passavam por quimioterapia, mobilizaram Graziella a criar um ambiente de estímulo para que essa luta fosse o menos dolorosa possível. Foi assim, que ela passou a organizar nas datas festivas, brincadeiras e comemorações para levar um pouco de alegria e esperança aos corações dos pais e das crianças hospitalizadas.

Festa das crianças

Anúncio

A empreendedora

Após 15 anos trabalhando na iniciativa privada, Graziella Cristina decidiu abrir seu próprio negócio. Segundo ela, no início foi muito difícil, pois não tinha fluxo de caixa. Seu investimento consistia em apenas dois freezers, mas com sua criatividade e visão empreendedora, a falta de recursos não foi um obstáculo e logo, ela começou ampliar o seu negócio.

A comerciante percebeu que não bastava apenas trabalhar arduamente para oferecer o melhor serviço e se diferenciar no mercado, ela sabia que era necessário capacitação.  Dessa forma, ela buscou novos conhecimentos, e a Associação Comercial de Nova Lima foi uma de suas fontes que ajudou ampliar seus horizontes.  Na entidade, ela participou de vários cursos e palestras para pequenos empreendedores, além de trocar experiências com vários empresários de Nova Lima.

Como é trabalhar longe da região central

Para Graziella Cristina, trabalhar fora da área central não é problema, pois os clientes aderiram ao seu estabelecimento, abraçaram a ideia e fazem compras regularmente.

Um comércio no bairro tem suas peculiaridades, pois possibilita um contato mais próximo com a população e assim, permite estreitar o vínculo com o cliente. Sempre pensando no bem-estar das pessoas que a rodeia, Graziella buscou apoio de empresários e da comunidade para realizar eventos em prol das crianças. Todos os anos, ela realiza em conjunto com os apoiadores, a Festa das Crianças e a Festa de Natal, nas quais são distribuídos brinquedos, refrigerantes e levam alegria e diversão para as crianças do bairro Nossa Senhora de Fátima e região.

Pandemia e o comércio

Segundo ela, por trabalhar no ramo alimentício, seu negócio não sofreu os impactos que os empreenderes vivem nesse momento, por isso ela não se sentir tão  prejudicada. No entanto, ciente dos desafios e da dificuldade enfrentada no momento, ela lamenta e se solidariza com os milhares de comerciantes e empresários que veem seus empreendimentos e sonhos sendo desfeitos. “Em momentos como esse, o poder público tem de ser mais eficiente. Em primeiro lugar ele deve salvar vidas e depois, criar mecanismos para manter os empresários em atividade, ou seja, não deixar a economia estagnada”, diz.

Lazer e uma maneira de recarregar a bateria

Para combater o estresse e os medos provocados pela pandemia, Graziella encontrou no grupo “Trilheii” e “Propriedade Runners”, uma forma de ficar mais tranquila. As atividades físicas, as corridas e as caminhadas, realizadas em grupo, têm sido suas aliadas para renovar suas forças, além de proporcionar momentos de reflexão para enfrentar os desafios do seu dia a dia.

O empreendimento

A “Mercearia da Grazy”, fundada há cinco anos e localizada no bairro Nossa Senhora de Fátima, oferece uma variedade de produtos, mas o melhor benefício para o cliente é ser atendido por uma pessoa tão humana, comprometida e dedicada a oferecer o seu melhor para todos ao seu redor.

Mãe, mulher e empreendedora, Graziella Cristina Silva, é Nossa Gente!

Obrigado a todos pela leitura, e até a próxima sexta-feira!

Conheça a história de outros nova-limenses nos links abaixo:

Por Reginaldo Silva

JORNAL MINAS reforça seu compromisso com o profissionalismo, a qualidade e o jornalismo mineiro. Nossa redação fornece informações responsáveis ​​e confiáveis ​​todos os dias. Apoie a informação de qualidade, siga-nos pelas redes sociais – Facebook Instagram Twitter Whatsapp

Compartilhar esta notícia:


Comentários


Anúncio


Redes sociais
Jornal Minas